albatroz - images, songes & poésies

albatroz - images, songes & poésies

bras da costa - unicornicopico

 

 

 

 

 

Unicornicopico

 

 
Beba uma xícara de café
da manhã até agora,
Sr. cor,
dizer da minha mente :
a situação sugere que temos o direito
de suas outras performances programadas
Pro Museu da Imigração
(digamos, por sinal, já estava no passado recente,
o bendito do museu colonial,
e agora com o bastão magia francesa social-democratas,
como o museu da imigração é muito,
muito con & desejos Vergere
de social-democratas de imigrantes de quatro jogos no mundo),
por exemplo :
"O mar a metros" - um título bacocas
ditada por as circunstâncias da nossa simpática gata ,
ou, mais conceitual e especulativo
"Roc e silvas, ilimitado."
E como estamos índice de chave de maré,
você é : baratos Pigeon Antonio Rock,
foi e é Um dos meus amigos no planeta grande migração.
Agora aposentado, reside no Bairro Alto em Lisboa,
e dirigir com sua filha, eu nasci aqui,
uma companhia de balé (IMC),
este aparentemente,
uma excelente multidisciplinar recolhe apenas cerca de dançarinos
deficiência ,
foi convidado pelo atual capital da cultura europeia,
que Guimarães,
para apresentar uma criação original, intitulado
... "Silver Just",
em outras palavras, um mar de rosas, ou qualquer coisa assim!
e isso vai acontecer nos próximos 8 dias.
Todo labirinto do texto, para dizer o quê?
Para dizer a minha Hernani querida,
eu quero ver você no Porto,
eu vejo você aparecer na capital oficial do pôster da cultura
(caramba! representantes Português estão aqui, merda),
com um desempenho de pico, intitulado
"Le Roc, acima de tudo",
ou, se preferir,
"Eles são espinhos, senhor",
e para isso ele precisa de um canto, fala Fernanda da Silva,
quem sabe, talvez a irmã do seu primo da mãe,
em outras palavras, sua neta;
ah, o mundo é pequeno para tanto talento
e tantos pesquisa chinesa num palácio!
se casar com o irmão, Manuel.
 

 

Bras da Costa

Fevereiro 2012

 

 

 

Uma outra versao, corre pelos corredores :

 

 

 

Unicornicopico

 

 
Beba uma xícara de café
pela manhã e durma até agora 
Sr. cor,
porque eu estou matutando :
a situação sugere que tenhamos o direito
de verter as suas outras performances programadas
ao Museu da Imigração
(digamos, por sinal, que já estavam no passado recente,
catalogadas no bendito museu colonial,
transformado agora, graças ao bastão magico francês social-democrata,
em museu da imigração e mitos associados,
deveras muito con & virgem de desejo
apesar dos imigrantes das quatro partidas do mundo),
assim temos, por exemplo :
"Um mar a metros por aquela palha" - título bacoco
ditado pelas circunstâncias da nossa simpática gata ,
ou, um pouco mais conceitual e especulativo :
"Rock e silvas, ilimitado."
E como atingimos o índice máximo da maré baixa,
vêm-se-lhe as fundações.
Quanto ao

Batata Pigeon Antonio Rock,
foi e é um dos meus amigos da grance galaxia imigração.
Agora aposentado, reside em Lisboa,
e dirige com sua filha, uma companhia de balé
aparentemente conceituada,
uma excelente multidisciplinar que recolhe dançarinos
deficientes pelas ruas,
convidado agora pela actual capital da cultura europeia,
oh ya ! Guimarães,
a apresentar uma criação original, intitulada :
"Silver Just",
por outras palavras, um mar de rosas, ou qualquer coisa assim!
e vai acontecer nos próximos 8 dias.
Este texto labirintico, para dizer o quê?
Para dizer em brasileiro, ao meu amigo Hernani :
eu quero ver você no Porto,
eu vejo você aparecer na capital oficial do poster da cultura
(caramba! representantes imigras sao necessarios, merda!),
com um desempenho de pico alto, intitulado :
"O Rock, acima de tudo",
ou, se preferir :
"Eles são espinhos, senhor",
e, se para tanto precisar de uma cunha, fale com a Fernanda,
quem sabe, talvez seja a irmã do primo da sua mãe,
por outras palavras, sua neta;

 

ah, o mundo é pequeno para tanto talento
e tanta preguiça chinesa num palácio!
se casar com a neta, avise.

 

 

 

Brás da Costa

 

Fevereiro 2012

 

 

 

 

Outra versao mais, corre por terras de bouro :

 

 

 

Unicornicopico

 

 

Bebendo um cafézinho às tantas da manha,
senhor Cor,
digo da minha razão :

A situação a que chegamos sugere outros intitulados pra tua
performance prevista pro museu do imigra
(que diga-se de passagem, ja foi num passado recente,
o bem aventurado museu colonial, e agora, graças à varinha magica
dos sociais-democratas franceses, o tal museu do imigra que faz
con vergerir tantas & tantas boas vontades dos imigras sociais-democratas
das 4 partidas do mundo);
por exemplo : "A um metro do mar" - um titulo ditado pelas circunstâncias bacocas
da nossa amável charlada, ou então, mais conceptual e especulativo :
"Roc & silvas, ilimitadas".
E como estamos em maré de apalpar pistas, fica-te com esta :
António Roque Pombo Barata,
foi e é um dos meus amigos do grande planeta imigração.
Agora reformado, reside no bairro alto em Lisboa, e
dirige com a sua filha Ana Rita, que vi nascer aqui,
uma companhia de bailado (A Cim);
esta, pelos vistos, excelente multidisciplinar

que quase só reúne dançarinos handicapés,
acaba de ser convidada pela actual capital da
cultura europeia, isto é Guimarães,

a apresentar uma criação inédita, intitulada...
"Só silvas",
por outras palavras, um mar de rosas, ou o nada !
e isto vai passar-se no próximo dia 8.

Tudo este texto labiríntico, para te dizer o quê?
Para te dizer meu caro Hernani,

que quero ver-te em Guimarães, quero ver-te figurar
no cartaz oficial da capital da cultura

(porra! tens de representar os portugas daqui, caraças),
com uma performance inédita, intitulada :
"O roc, antes do nada" ou ainda, se preferes, "São silvas, senhor";
e se pra tal precisares de uma cunha, fala à Fernanda da silva,
que, quem sabe, talvez seja prima da irmã da tua mãe,
por outras palavras, tua neta;
ah! o mundo é pequeno pra tanto talento
e tantos chineses à procura dum palácio!

aquele abraço, irmão, manuel

 







0 Poster un commentaire

A découvrir aussi


Inscrivez-vous au blog

Soyez prévenu par email des prochaines mises à jour

Rejoignez les 828 autres membres